Resenha: Mentirosos, por E. Lockhart

sexta-feira, novembro 20, 2015

        MentirososOs Sinclair são uma família rica e renomada, que se recusa a admitir que está em decadência e se agarra a todo custo às tradições. Assim, todo ano o patriarca, suas três filhas e seus respectivos filhos passam as férias de verão em sua ilha particular. Cadence - neta primogênita e principal herdeira -, seus primos Johnny e Mirren e o amigo Gat são inseparáveis desde pequenos, e juntos formam um grupo chamado Mentirosos. Durante o verão de seus quinze anos, as férias idílicas de Cadence são interrompidas quando a garota sofre um estranho acidente. Ela passa os próximos dois anos em um período conturbado, com amnésia, depressão, fortes dores de cabeça e muitos analgésicos. Toda a família a trata com extremo cuidado e se recusa a dar mais detalhes sobre o ocorrido… até que Cadence finalmente volta à ilha para juntar as lembranças do que realmente aconteceu.



Ouvi falar de Mentirosos há alguns meses e sempre foi aquele livro cuja compra vivia sendo adiada. Finalmente o comprei e tive a experiência maravilhosa de ler esse livro. Não favoritei, mas com certeza não esquecerei.

Cadence sofreu um acidente no verão dos quinze, o verão dos seus quinze anos. Alguma coisa terrível - ela não faz ideia do que - aconteceu, mas isso abalou drasticamente a estrutura da família Sinclair. Eles sempre foram o esteriótipo da família perfeita, sem problemas,sem discussões, sem erros, sem medos. Os Sinclair passam os verões em Beechwood , sua ilha particular com mansões maravilhosas repletas de artefatos caríssimos. Para Cadence, seus primos Johnny e Mirren e seu amigo Gat, essa é a melhor parte do ano. Eles, que formam os Mentirosos, adoram se divertir na ilha e não dão bola para a disputa das Sinclair pela herança. Todos os anos é a mesma coisa, até o fatídico verão dos quinze.

Cadence só volta à ilha no verão dos dezessete. Ela não lembra o que aconteceu, mas sabe que a sua família está diferente. Primeiro que ela fez uma viagem misteriosa à Europa com o pai no verão anterior e segundo que, sua mãe e suas tias pararam de discutir e ninguém comenta o que aconteceu. Além dos Mentirosos, que também estão muito estranhos. Agora, Cadence só pode contar consigo mesma para descobrir o que aconteceu naquele dia.

"Somos Sinclair.
Ninguém é carente. 
Ninguém erra. 
Vivemos, pelo menos durante o verão,
em uma ilha particular.
Talvez isso seja tudo o que você
precisa saber a nosso respeito."

É impressionante a atmosfera criada por E. Lockhart. Meus amigos, essa mulher sabe envolver um leitor. Os capítulos são curtos e se você é um leitor voraz, como eu, com certeza vai devorar esse livro em algumas horas. Os personagens são incríveis, muito bem trabalhados, de características marcantes.

Acho que o que mais impressiona é verdade por trás de um livro de ficção. Existem muitas famílias Sinclair por aí. "Mentirosos" nos leva à uma reflexão intensa sobre o papel da família na vida das pessoas, sobre o que real significado dessa palavra. Sabe aquele livro que você acaba de ler e fica horas olhando para o nada? Esse é o livro. Surpreendente e devastador. Como era de se esperar, chorei horrores e apesar de parecer cruel, o livro é simplesmente arrebatador.

Gostaria de dar mais detalhes, mas esse é um livro tão delicado, que cada informação adicional pode ser considerada spoiler, então fica o meu recado: leiam Mentirosos. Leiam Mentirosos. Leiam Mentirosos.




Veja também!

2 comentários

  1. Oi, Ju.
    AMO ESSE LIVRO.
    O ideal mesmo é pegar Mentirosos sem saber absolutamente nada da história (ou o mínimo possível). Esse livro é incrível, o final então.. devastador. Não cheguei a chorar como você, mas fiquei com os olhos cheios d'agua kk
    Beijo!

    João Victor - http://cahblack.blogspot.com.br/2015/11/cinema-monster-calls.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi João! O livro é emocionante mesmo!
      Um beijo!

      Excluir

Faça uma blogueira feliz deixando um comentário ♥

Editoras Parceiras

Galeria